São cartas Senhor, são cartas! Depois de tocar a campainha, algo acontece. Não é o carteiro, mas há uma carta por abrir.

.posts recentes

. Ironia da realidade - Men...

. A ironia da democracia em...

. Não tenho paciência para ...

. Não tenho paciência para ...

. Não paciência para merdas...

. Ñão tenho paciência para ...

. Love in trash can

. End of watch

. O pecado numa dentada de ...

. Hotel Georgian

.arquivos

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Abril 2012

. Outubro 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.links

Quarta-feira, 30 de Agosto de 2006

Mais algumas notas soltas (à falta de melhor)

220.gif


Agosto chega ao fim e com isso aproxima-se uma certa data, relativamente à qual acabo por estar indissociavelmente ligado. Pois é, o meu aniversário. Eu tenho uma estranha relação com o meu aniversário (que se estende às mais datas festivas do calendário gregoriano, umas mais, outras menos). Por mais chocante por isto possa parecer, eu não retiro qualquer prazer em celebrar o meu aniversário. Não que tenha algum trauma com a idade (claro que tenho outros traumas e comportamentos desviantes, mas isso fico para outro tipo de conversas).


Mas este ano, os astros conspiraram contra mim e o meu dia de aniversário terá que necessariamente ser especial (damm it!!). Mais ou menos à hora que nasci, devo estar a entrar no Pavilhão do Atlântico para ver os Pearl Jam pela primeira vez. Acho que deveria haver uma regra qualquer que determinasse que quem faz anos no dia do concerto deveria ter um “VIP pass” ou qualquer coisa parecida, poder escolher algumas músicas que a banda deveria (ok, eu sou realista, já não peço para ter acesso à festa backstage após o final do concerto….). Mas acresce que na minha companhia vai estar nada menos do o Daniel Johns (!) (também conhecido na intimidade por “Toy”, go figure…) que faz anos no dia seguinte… Bem Daniel, acho que vamos ter de adoptar a mesma técnica que usamos no concerto (inesquecível) dos Blind Zero na Queima de 1999 (sim, aposto que os gajos ainda se lembram de nós!!), ainda partilhar umas “bejecas” com o Eddie e compenhia. Alinhas? O projecto ganha mais consistência se te disser que o Caçador também vai lá estar também? Pelo menos a parte das “bejecas” está assegurada, não é Caçador? Devias era enviar o cv para a Central de Cervejas, alegando a tua pós-graduação em Paredes de Coura (sim, não vou esquecer por algum tempo o episódio do “bora lá beber umas litradas”)!


Bem, à falta de um legislador razoável, resta-me formular uma série de desejos quanto às músicas que espero que os Pearl Jam toquem, lançando o repto aos meus queridos leitores para que façam o mesmo, e ainda que não vão ao concerto, pois quem sabe se os desejos não se realizam mesmo (sem eu ter que cumprir o ritual de soprar as velas ou enfiar a cabeça no bolo):


Smile,


Do the evolution;


Indifference


Even flow,


Alive


Better man;


Light years


Thin air


Comatose


Come back


In my tree


Cordoroy


Dissident


Rearviewmirror


Leash


Given to fly


I am mine


 


(and on and on…)


 


PS - A minha vénia ao autor do piropo mais original dos últimos tempos: “Tu não és boa, és óptima”!! És um incompreendido, mas estás lá!!


PS – Toquinhas e Sininho, temos de começar a pensar na celebração do nosso aniversário colectivo!


 


 

publicado por O Carteiro às 01:17
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.links

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds