São cartas Senhor, são cartas! Depois de tocar a campainha, algo acontece. Não é o carteiro, mas há uma carta por abrir.

.posts recentes

. Ironia da realidade - Men...

. A ironia da democracia em...

. Não tenho paciência para ...

. Não tenho paciência para ...

. Não paciência para merdas...

. Ñão tenho paciência para ...

. Love in trash can

. End of watch

. O pecado numa dentada de ...

. Hotel Georgian

.arquivos

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Abril 2012

. Outubro 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.links

Quarta-feira, 11 de Julho de 2007

777

Na cabala judaica, o número 7 simboliza a perfeição e o triplo 7 seria a perfeição divina. Well, receio que o triplo 7 do passado sábado tenha muito pouco de perfeição divina, mas estou certo que simboliza muita coisa!

Imagino a hesitação do pensamento dos leitores mais interessados naquilo que efectivamente penso e escrevo, “ não me digas”, “mas queres ver que”, “estou em estado de choque, liguem o 112”.... é verdade, fui à gala das sete maravilhas. E preparem-se para o que vem a seguir: diverti-me imenso, e tudo graças à divina inspiração da querida Laura, que me fez companhia na descida ao inferno da Luz... ok, purgatório, dado que agora aquilo é mais cor-de-rosa (estou certo que haverá alguém que ficará contente por esta referência ao cor-de-rosa... e eu gosto de contribuir para a felicidade da humanidade).

So, the deal was... Ser VIP tem as suas vantagens, mesmo num sítio aparentemente tão hostil para um orgulhoso dragão... free drinks. Nice! Especialmente quando os “barmans”até sorriem quando eu grito viva ao FCP e faço alguns trocadilhos refinados sobre a campanha de marketing do slb sobre o público alvo da campanha!! Eu sei, o metal é vil! Por outro lado, não deve causar espanto que no dia seguinte tenha tido algumas dificuldades em enumerar as setes maravilhas do mundo...  felizmente há mais maravilhas no mundo! E não me estou a referir ao rabo da Jennifer Lopez!!

Mas há alguns momentos da “celebração” que gostaria de partilhar com os meus caros leitores:

o     O assobio monumental ao “não sei que grau escolar/académico” Sócrates... parece que o tempo das vacas gordas vai começar! Já só faltam dois anos para as legislativas!

o     Os dois minutos que o dito cujo supra citado ficou especado com cara de idiota (quero dizer, de forma mais visível), à espera de cumprimentar o Cristiano Ronaldo. Mas devo acrescentar que não foi o único, e confesso que me deu especial prazer ver a “elite política portuguesa” a desfazer-se em “chiliques” perante o “distinto” futebolista. Caros sociólogos, não se suicidem já! O “jamais” estava particularmente entusiasmado com o jovem (assim como no dia seguinte ao inaugurar uma ponte de 300 milhões de euros para o deserto, segundo o próprio).

Mas quanto aos vencedores da noite, gostaria de destacar os meus momentos altos (e o pronome possessivo está correctamente utilizado!):

o     Cristo rei - à minha frente tinha um grupo de brasileiros que vibraram com a escolha, e com o facto de alguém, “com alguma insistência”, ter gritado “Viva a Argentina!” (o Scolari teve mais sorte, pois tirou uma foto todo sorridente com a Laura... é mais um daqueles casos em que a ignorância é sinónimo de felicidade, aposto que não lhe passa pela cabeça a razão da foto!)

o     Taj Mahal, aposto que para além da alegria da nomeação, o embaixador da Índia (presumo), não vai esquecer alguém que efusivamente decidiu abraçá-lo (ou pelo menos, tentado!) para festejar o momento. O mais engraçado é que a seguir mais pessoas tentaram imitar esse “alguém”!

 

Entretanto, e por que tudo acontece por acaso, inspirado pela numerologia, investiguei e descobri que sou uma pessoa número sete:

 

 

“Número 7: Aparentemente fria e calculista a pessoa de personalidade 7 é na verdade super exigente com ela mesma e com o próximo. Procura sempre executar suas tarefas de forma impecável. Geralmente solitária, ela se isola e precisa de muito tempo para realmente se entregar a qualquer tipo de relacionamento pois prefere este isolamento.

  • Positivo: Espiritualidade, Introspecção, Profundidade, Perfeccionismo, Controle da Mente
  • Negativo: Solidão, Exigência excessiva, Auto-Crítica, Reclusão.

Uma pessoa de número 7 está vinculada ao pensamento profundo. Sabe absorver o conhecimento de todas as fontes possíveis. Tem inclinações espirituais e filosóficas. Pessoa com senso estético apuradíssimo e dona de sentimentos elevados, mas péssima a lidar com a ignorância e com a falta de inteligência das outras pessoas”.

 

Este Pitágoras tem umas ideias engraçadas!

publicado por O Carteiro às 01:37
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.links

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds