São cartas Senhor, são cartas! Depois de tocar a campainha, algo acontece. Não é o carteiro, mas há uma carta por abrir.

.posts recentes

. Ironia da realidade - Men...

. A ironia da democracia em...

. Não tenho paciência para ...

. Não tenho paciência para ...

. Não paciência para merdas...

. Ñão tenho paciência para ...

. Love in trash can

. End of watch

. O pecado numa dentada de ...

. Hotel Georgian

.arquivos

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Abril 2012

. Outubro 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.links

Quinta-feira, 16 de Março de 2006

One down, two to go!! O mês de Março promete!!

Ah grande Vitória!! Bem, pelo menos agora não posso ser acusado de não ser nacionalista (Guimarães berço da nação e do condado portucalense, do qual não fazia parte lisboa!!!).


Ontem fui ver o vencedor do Oscar para melhor filme – Crash. Confesso que fiquei um pouco desiludido. O filme tem um argumento de fundo bastante bom, mas depois perde-se por completo com clichés “hollywodescas” e, pior ainda, faz umas aproximações ao Magnolia (como sabem, o n.º 2 do meu Top 5), no mínimo, dispensáveis:


O cruzamento das histórias é no mínimo exagerado e totalmente óbvio. A certa altura fica-se confuso, sem saber se estamos a ver o filme ou uma explicação do filme.


A cena da criança, a “capa da fada” e o iraquiano é no mínimo despropositada e previsível, sendo daquelas cenas que me dá vontade de vomitar ou desatar à pancada com a menina das bilheteiras para que me seja devolvido o dinheiro do bilhete.. com juros!


A música perto do final do filme... só faltava os personagens começarem todos a cantar.. passagem completamente dispensável, denotando alguma falta de criatividade artística.


A cena da neve.. bem, a certa altura fiquei mesmo à espera que começassem a chover sapos!! Outra passagem despropositada.


A cena dos “asiáticos”... em particular do jovem “imundo” que fica especado a olhar para a loja...


Mas não fiquem com uma ideia errada acerca da minha opinião do filme, eu gostei. E acho que o filme é melhor que brokeback montain.  

publicado por O Carteiro às 14:43
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.links

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds